Deus tem uma nova história para sua vida

… Ninguém pode ver o Reino de Deus, se não nascer de novo

João 3:3

Às vezes, quando ouvimos uma palavra nova ou um jeito de falar diferente, não conseguimos entender de primeira e ficamos pensando: “Como é que é? O que essa pessoa quis dizer com isso? Viajei…”.

Com Nicodemos, também foi assim. Mesmo ele sendo um homem muito inteligente, demorou um certo tempo até ele entender o que Jesus tinha lhe ensinado sobre o novo nascimento.

Jesus tinha um jeito todo especial de falar. Ele ensinava as pessoas sobre o Reino de Deus com uma linguagem diferente, que é a parábola, que já explicamos aqui. 

Na história de hoje, vamos aprender sobre o novo nascimento de uma maneira bem legal! Vamos nessa?

Nicodemos teve a oportunidade de nascer de novo

Referência bíblica: João 3:1-21

No domingo passado, Léo mal tinha posto os pés dentro da igreja quando viu Mig andando ligeiro em sua direção. 

Afobado e muito curioso, aliás, como sempre, já foi logo fazendo uma pergunta:

— Léo, Léo, hoje pela manhã, eu li na minha bíblia um versículo, mas não consegui entender nada. Além de não entender, fiquei confuso! Você poderia me ajudar?

Léo, sempre gentil e disposto a ensinar aos menores, acalmou o amigo:

— Claro, Mig. Pode falar! Qual a sua dúvida?

— Eu li que Jesus ensinou que ninguém pode conhecer o Reino de Deus se não nascer de novo. Será que eu vou ter que voltar para a barriga da minha mãe e virar um bebê novamente? Isso é possível?

Léo deu um sorriso e respondeu com tranquilidade:

— Ah, amiguinho, não é dessa forma que iremos entrar no reino de Deus. Você vai ver que é mais simples do que parece.

Então, ele começou a explicar o que Jesus quis dizer com “nascer de novo”. 

Havia um homem na bíblia chamado Nicodemos, que teve essa mesma dúvida de Mig.  

Jesus lhe explicou que não era possível entrar novamente na barriga da sua mãe – ele não estava falando desse tipo de nascimento. Jesus quis dizer que precisamos nascer espiritualmente. 

Mig coçou a cabeça e logo perguntou: 

— Nascer espiritualmente? O que isso significa?

Léo respondeu:

— A gente nasce espiritualmente quando aceitamos Jesus como nosso Senhor e Salvador. Isso é nascer de novo: é quando Deus nos dá um coração transformado, e o Espírito Santo passa a morar ali porque decidimos por Jesus. 

Ele continuou:

— Na bíblia, coração transformado é a mesma coisa que espírito transformado, porque, como aprendemos na igreja, nós somos um espírito, temos uma alma e moramos num corpo. Na história de Nicodemos, Jesus estava falando sobre o nosso espírito. 

Mig nem piscava de tão interessado que estava na história.

— Então, Mig, como eu ia dizendo, algum tempo depois, Nicodemos finalmente entendeu o que era nascer de novo, e se tornou um seguidor de Cristo. – disse Léo.

— Ah, Léo, foi tão bom conversar com você! Foi interessante saber que Nicodemos teve a mesma dúvida que eu tive, assim, posso ajudar alguém que também tenha essa mesma dúvida. Realmente, é simples entender o que significa nascer de novo: é nascer no espírito, ter o coração transformado pelo amor de Deus, poder herdar o reino dos Céus e ser da família de Deus.

— Isso mesmo, Mig! Você é bom menino e será um grande homem de Deus na terra! 

Agora, vamos andando depressa porque o culto já vai começar!

O que você aprendeu com a história de Nicodemos?

Quando decidimos aceitar Jesus como Senhor e Salvador das nossas vidas e estamos dispostos a seguir seus ensinamentos, Deus nos faz nascer de novo. Ele transforma a nossa vida e muda a nossa história. Com isso, ainda podemos ajudar as pessoas que estão à nossa volta.

E você? Já teve um encontro com Jesus? Já pediu um coração transformado para Deus? Está vivendo tudo o que ele tem para sua vida? 

Deus tem vida em abundância para te dar! É só crer e decidir por Jesus!

Vamos orar?

Paizinho, eu creio em Jesus e quero que ele seja meu senhor e salvador todos os dias da minha vida. Obrigado porque eu nasci de novo e vou viver eternamente ao seu lado no céu. Em nome de Jesus, amém.

Este devocional é uma das ações do ministério infantil da Academia da Fé

Texto: Paula López – Ilustração: Jociane Cavalli @jocianecavalli.art

Deixe um comentário