Jesus é a água viva que a gente precisa

Então Jesus disse: — Quem beber desta água terá sede de novo, mas a pessoa que beber da água que eu lhe der nunca mais terá sede. Porque a água que eu lhe der se tornará nela uma fonte de água que dará vida eterna.
João 4:13-14

As pessoas não são todas iguais, não é mesmo? E sabe de uma coisa? Deus fez isso de propósito, porque ele é o criador e tem muita criatividade.

É por isso mesmo que ele ama todas as pessoas de forma igual. As pessoas, muitas vezes, tratam umas melhores do que as outras porque julgam sua aparência, mas Deus nunca faz isso.

Um dia, uma moça teve um encontro com Jesus. Ele a respeitou do seu jeitinho e ofereceu a ela o que ela mais precisava: a água viva.

“Água viva, o que é isso?” Vamos saber agora, porque a vida dela mudou completamente!

A mulher samaritana teve sua vida mudada quando encontrou a fonte de águas vivas

Referência bíblica: João 4:1-30

Jesus estava viajando a pé com seus discípulos e, no caminho, passou por uma cidade chamada Samaria. Todo mundo que nascia naquela cidade se chamava samaritano.

Mas tinha um problema: os judeus e os samaritanos não eram amigos, e Jesus era judeu.

Quando eles chegaram em Samaria, os discípulos foram comprar comida em outro lugar, e Jesus deu uma pequena parada para descansar perto de um poço onde as pessoas pegavam água para beber.

Você já viu um poço? Em alguns lugares, as pessoas ainda usam poço, mas, naquela época, era muito comum irem até um poço com um balde para pegar água para beber ou levar para casa.

Enquanto isso, uma mulher samaritana chegou perto de Jesus para pegar a sua água.

Lembra que Jesus era judeu, e que os judeus não falavam com samaritanos? Pois é, mas Jesus começou a conversar com ela. Ele disse:

— Por favor, você pode me dar um pouco de água?

A mulher respondeu:

— O senhor é judeu, e eu sou samaritana. Então, o senhor nem deveria estar falando comigo, muito menos pedir água…

Então, Jesus disse:

— Ah, se você soubesse o que Deus pode te dar… E se você soubesse também quem eu sou, você receberia a água da vida.

A mulher ficou como? Bugada! Ela não entendeu nada, e disse:

— Ué… Que conversa mais doida… O senhor não tem nenhum balde para tirar água, e esse poço é bem fundo. Como é que você ia conseguir me dar essa água da vida que você está falando aí?

Jesus logo respondeu:

— Quem beber da água do poço, terá sede de novo, mas a pessoa que beber da água que eu der, nunca mais terá sede, e isso será eterno.

Jesus estava falando sobre se entregar a ele e ter uma vida diferente quando ele usava a expressão “água da viva”, porque ele é o único que preenche de verdade o nosso coração e nos deixa satisfeitos.

A mulher sabia que Jesus tinha algo diferente, mas ainda não tinha entendido muito bem o que era exatamente. Mesmo assim, ela pediu a ele:

— Hummm… então, eu quero dessa água! Por favor, me dê a água da vida pra eu não precisar mais vir aqui buscar água.

Ela continuava meio confusa, né? Nessa altura da conversa, Jesus começou a falar algumas coisas sobre a vida dela que só ela sabia, e foi aí que ela percebeu: Jesus era um profeta! Ela chegou a dizer a ele que sabia que, um dia, o Salvador viria ao mundo e que ela esperava por ele.

Nessa hora, Jesus aproveitou a oportunidade e se apresentou de uma vez por todas:

— Pois eu, que estou falando com você, sou o Messias! Eu sou o Salvador que você tanto procura! Eu também sou a “fonte de água viva”. Se você crer e se entregar a mim, nunca mais terá sede.  

Uau, que inacreditável! Ela estava diante do Salvador, que demonstrou tanto respeito por ela e ainda estava oferecendo preencher o vazio do seu coração para sempre!

Ela acreditou em Jesus, correu até a cidade para contar que havia conhecido o Salvador do mundo: Jesus, o filho de Deus! Sua vida foi transformada naquela conversa, bem ali, na beira de um poço.

Muitos samaritanos, quando souberam o que tinha acontecido com a mulher, foram até Jesus e acreditaram nele também! A experiência da mulher com Jesus salvou não apenas a sua vida, mas a vida de muitas outras pessoas!


O que você aprendeu com a história da mulher samaritana?

Nesse mundo, nem todas as pessoas aceitam a gente do jeitinho que a gente é. Você não viu na história? Judeus e samaritanos nem se falavam… Mas Jesus é diferente: Ele ama todos nós e quer nos dar vida de verdade.

Sabe, muitas coisas deixam a gente alegre ou resolvem o nosso problema naquele momento – como aquela mulher que estava no poço para pegar um balde de água para matar a sua sede.

Não é que a gente não precise comer, beber, ir à escola e nem se divertir – claro que a gente precisa. Mas o que Jesus quis dizer com a conversa que teve com a mulher é que a única coisa que nos preenche por dentro por completo é ele, a “água viva”. A gente pode ter tudo, mas, se não tiver Jesus, vai continuar triste e sem esperança.

Viver o nosso dia a dia com Jesus é o que nos dá verdadeira alegria e paz para sempre!

Vamos orar?

Jesus, que bom que eu conheço você! Eu sei que existem muitas coisas legais nesse mundo, mas nada se compara a você. Você é água viva que eu tanto preciso! Obrigado por ser o meu Senhor e Salvador! Amém!


Este devocional é uma das ações do ministério infantil da Academia da Fé

Texto: Marisa Victoria @marisavictoria.10 – Ilustrações: Jociane Cavalli @jocianecavalli.art

Deixe um comentário